Feeds:
Posts
Comentários

Introdução

Procuro palavras.

As não ditas, as esquecidas, as imaginadas, as desejadas, as que moram na angustia.

Algumas não podem ser faladas nem escritas.

As palavras do corpo, palavras da alma, do rosto, das mãos, dos olhos.

“Não fala nada, deixa tudo assim por mim…” Leoni

Anúncios